segunda-feira, 14 de novembro de 2016

O Bote de Rapé

       

Comédia em sete colunas

Publicado originalmente em O Cruzeiro, Rio de Janeiro, 1878.

PERSONAGENS:


Tomé
Um relógio na parede
Elisa, sua mulher
O nariz de Tomé
Um caixeiro

CENA PRIMEIRA: TOMÉ, ELISA (entra vestida)


TOMÉ — Vou mandar à cidade o Chico ou o José.
ELISA — Para... ?
TOMÉ — Para comprar um bote de rapé.
ELISA — Vou eu.
TOMÉ — Tu?
ELISA — Sim. Preciso escolher a cambraia, A renda, o gorgorão e os galões para a saia, Cinco rosas da China em casa da Natté, Um par de luvas, um peignoir e um plissé, Ver o vestido azul, e um véu... Que mais? Mais nada.
TOMÉ — (rindo) Dize logo que vás buscar se uma assentada Tudo quanto possui a Rua do Ouvidor. Pois aceito, meu anjo, esse imenso favor.
ELISA — Nada mais? Um chapéu? Uma bengala? Um fraque? Que te leve um recado ao Dr. Burlamaque? Charutos? Algum livro? Aproveita, Tomé!
TOMÉ — Nada mais; só preciso o bote de rapé...
ELISA — Um bote de rapé! Tu bem sabes que a tua Elisa...
TOMÉ — Estou doente e não posso ir à rua. Esta asma infernal que me persegue... Vês? Melhor fora matá-la e morrer de uma vez, Do que viver assim com tanta cataplasma. E inda há pior do que isso! inda pior que a asma:
ELISA (rindo) — Oh! se pudesse estar Vazia para sempre, e acabar, acabar Esse vício tão feio! Antes fumasse, antes. Há vícios jarretões e vícios elegantes. O charuto é bom tom, aromatiza, influi Na digestão, e até dizem que restitui A paz ao coração e dá risonho aspecto.
TOMÉ — O vício do rapé é vício circunspeto. Indica desde logo um homem de razão; Tem entrada no paço, e reina no salão Governa a sacristia e penetra na igreja. Uma boa pitada, as idéias areja; Dissipa o mau humor. Quantas vezes estou Capaz de pôr abaixo a casa toda! Vou Ao meu santo rapé; abro a boceta, e tiro Uma grossa pitada e sem demora a aspiro; Com o lenço sacudo algum resto de pó E ganho só com isso a mansidão de Jô.
ELISA — Não duvido.
TOMÉ — Inda mais: até o amor aumenta Com a porção de pó que recebe uma venta.
ELISA — Talvez tenhas razão; acho-te mais amor Agora; mais ternura; acho-te...
TOMÉ — Minha flor, Se queres ver-me terno e amoroso contigo, Se queres reviver aquele amor antigo. Vai depressa.
ELISA — Onde é?
TOMÉ — Em casa do Real; Dize-lhe que me mande a marca habitual.
ELISA — Paulo Cordeiro, não?
TOMÉ — Paulo Cordeiro. Queres,
ELISA — Para acalmar a tosse uma ou duas colheres
TOMÉ — Do xarope? Verei.
ELISA — Até logo, Tomé.
TOMÉ — Não te esqueças.
ELISA — Já sei: um bote de rapé.
(sai)
CENA II
TOMÉ — Que zelo! Que lidar! Que correr! Que ir e vir! Quase, quase lhe falta tempo de dormir. Verdade é que o sarau com o Dr. Coutinho Quer festejar domingo os anos do padrinho, É de primo-cartello, é um grande sarau de truz. Vai o Guedes, o Paca, o Rubirão, o Cruz, A viúva do Silva, a família do Mata, Um banqueiro, um barão, creio que um diplomata. Dizem que há de gastar quatro contos de réis. Não duvido; uma ceia, os bolos, os pastéis, Gelados, chá... A coisa há de custar-lhe caro. O mau é que eu desde já me preparo A despender com isto algum cobrinho... O quê? Quem me fala?
O NARIZ — Sou eu; peço a vossa mercê Me console, inserindo um pouco de tabaco. Há três horas jejuo, e já me sinto fraco, Nervoso, impertinente, estúpido, — nariz, Em suma.
TOMÉ — Um infeliz consola outro infeliz; Também eu tenho a bola um pouco transtornada, E gemo, como tu, à espera da pitada.
O NARIZ — O nariz sem rapé é alma sem amor.
TOMÉ — Olha podes cheirar esta pequena flor.
O NARIZ — Flores; nunca! jamais! Dizem que há pelo mundo Quem goste de cheirar esse produto imundo. Um nariz que se preza odeia aromas tais. Outros os gozos são das cavernas nasais. Quem primeiro aspirou aquele pó divino, Deixas as rosas e o mais às ventas do menino.
TOMÉ — (consigo) Acho neste nariz bastante elevação, Dignidade, critério, empenho e reflexão. Respeita-se; não desce a farejar essências, Águas de toucador e outras minudências.
O NARIZ — Vamos, uma pitada! Um instante, infeliz! (à parte) Vou dormir para ver se aquieto o nariz. (Dorme algum tempo e acorda) Safa! Que sonho; ah! Que horas são!
O RELÓGIO (batendo) — Uma, duas.
TOMÉ — Duas! E a minha Elisa a andar por essas ruas. Coitada! E este calor que talvez nos dará Uma amostra do que é o pobre Ceará. Esqueceu-me dizer tomasse uma caleça. Que diacho! Também saiu com tanta pressa! Pareceu-me, não sei; é ela, é ela, sim... Este passo apressado... És tu, Elisa?
CENA III
TOMÉ, ELISA, UM CAIXEIRO (com uma caixa)
ELISA — Enfim! Entre cá; ponha aqui toda essa trapalhada. Pode ir.
(Sai o caixeiro)
Como passaste?
TOMÉ — Assim; a asma danada Um pouco sossegou depois que dormitei.
ELISA — Vamos agora ver tudo quanto comprei.
TOMÉ — Mas primeiro descansa. Olha o vento nas costas. Vamos para acolá. Cuidei voltar em postas.
ELISA — Ou torrada.
TOMÉ — Hoje o sol parece estar cruel. Vejamos o que vem aqui neste papel.
ELISA — Cuidado! é o chapéu. Achas bom?
TOMÉ — Excelente. Põe lá.
ELISA — (põe o chapéu) Deve cair um pouco para a frente. Fica bem?
TOMÉ — Nunca vi um chapéu mais taful.
ELISA — Acho muito engraçada esta florzinha azul. Vê agora a cambraia, é de linho; fazenda Superior. Comprei oito metros de renda, Da melhor que se pode, em qualquer parte, achar. Em casa da Creten comprei um peignoir.
TOMÉ (impaciente) Em casa da Natté...
ELISA — Cinco rosas da China. Uma, três, cinco. São bonitas?
TOMÉ — Papa-fina.
ELISA — Comprei luvas couleur tilleul, crème, marron; Dez botões para cima; é o número do tom Olhe este gorgorão; que fio! que tecido! Não sei se me dará a saia do vestido.
TOMÉ — Dá.
ELISA — Comprei os galões, um fichu, e este véu.
TOMÉ — Já mostraste o chapéu.
ELISA — Fui também ao Godinho, Ver as meias de seda e um vestido de linho. Um não, dois, foram dois.
TOMÉ — Mais dois vestidos?
ELISA — Dois... Comprei lá este leque e estes grampos. Depois, Para não demorar, corri do mesmo lance, A provar o vestido em casa da Clemence. Ah! Se pudesse ver como me fica bem! O corpo é uma luva. Imagina que tem...
TOMÉ — Imagino, imagino. Olha, tu pões-me tonto Só com a descrição; prefiro vê-lo pronto. Esbelta, como és, hei de achá-lo melhor No teu corpo.
ELISA — Verás, verás que é um primor. Oh! a Clemence! aquilo é a primeira artista!
TOMÉ — Não passaste também por casa do dentista?
ELISA — Passei; vi lá a Amália, a Clotilde, o Rangel, A Marocas, que vai casar com o bacharel Albernaz...
TOMÉ — Albernaz?
ELISA — Aquele que trabalha Com o Gomes. Trazia um vestido de palha...
TOMÉ — De palha?
ELISA — Cor de palha, e um fichu de filó, Luvas cor de pinhão, e a cauda atada a um nó De cordão; o chapéu tinha uma flor cinzenta, E tudo não custou mais de cento e cinqüenta, Conversamos do baile; a Amália diz que o pai Brigou com o Dr. Coutinho e lá não vai. A Clotilde já tem a toilette acabada. Oitocentos mil-réis.
O NARIZ (baixo a Tomé) Senhor, uma pitada!
TOMÉ (com intenção, olhando para a caixa) Mas ainda tens aí uns pacotes...
ELISA — Sabão; Estes dois são de alface e estes de alcatrão. Agora vou mostrar-te um lindo chapelinho De sol; era o melhor da casa do Godinho.
TOMÉ (depois de examinar) Bem.
ELISA — Senti, já no bonde, um incômodo atroz.
TOMÉ (aterrado) Que foi?
ELISA — Tinha esquecido as botas no Queirós. Desci; fui logo à pressa e trouxe estes dois pares; São iguais aos que usa a Chica Valadares.
TOMÉ (recapitulando) Flores, um peignoir, botinas, renda e véu. Luvas e gorgorão, fichu, plissé, chapéu, Dois vestidos de linho, os galões para a saia, Chapelinho de sol, dois metros de cambraia...
(Levando os dedos ao nariz)
Vamos agora ver a compra do Tomé.
ELISA (com um grito) Ai Jesus! esqueceu-me o bote de rapé!



Conteúdo completo disponível em:






Links:


Billboard Hot 100 - Letras de Músicas | Song Lyrics - Songtext - Testo Canzone - Paroles Musique - 歌曲歌词 - 歌詞 - كلمات الاغنية - песни Текст

Educação Infantil - Vídeos, Jogos e Atividades Educativas para crianças de 4 à 11 anos

Biomas Brasileiros

Prédios mais altos do Mundo

Norte Catarinense (Mesorregião)

Ribeirão Preto (Mesorregião)

Norte Central (Mesorregião)

A população atual do estado de Mato Grosso do Sul

Rio de Janeiro - Representação e Localização

Em busca da água que sustenta a vida

Arquitetura e estética no Brasil

Civilização Islâmica - História em 1 Minuto

Dom Casmurro - Machado de Assis

Quincas Borba - Machado de Assis

Memórias Póstumas de Brás Cubas - Machado de Assis

O Diário de Anne Frank

Macunaíma - Mário de Andrade

O Triste Fim de Policarpo Quaresma - Lima Barreto

Mein Kampf - Adolf Hitler

Salmos - Capítulo 47 - Bíblia Online

Pai nosso, que estás nos céus! Santificado seja o teu nome

Poesia - Machado de Assis

Crônicas - Machado de Assis

Teatro - Machado de Assis

Crítica - Machado de Assis

TOP 10: Poesia - Poemas em Português, Espanhol, francês e inglês


Velhas Árvores - Olavo Bilac

Marabá - Gonçalves Dias

Los Naranjos

Lorsque l'enfant paraît - Victor Hugo

Fim - Mário de Sá-Carneiro

Sonnet 18 - William Shakespeare

Vos Que, Dolhos Suaves e Serenos

Sonho Branco - Broquéis - João da Cruz e Sousa

Bandido negro - Os Escravos - Castro Alves

As cismas do destino - Augusto dos Anjos - Eu e Outras Poesia

TOP 50: PDF para Download - Domínio Público


Livros em PDF para Download

O Mito de Sísifo - Albert Camus

Aos Vinte Anos - Aluísio Azevedo

The Diary of a Young Girl - The Definitive Edition - Anne Frank

Mein Kampf - Adolf Hitler - Download PDF Livro Online

Leonor de Mendonça - Antônio Gonçalves Dias

Uma Estação no Inferno - Arthur Rimbaud

Abel e Helena- Artur Azevedo

Outras Poesias - Augusto dos Anjos

Amor De Perdição - Camilo Castelo Branco

A cachoeira de Paulo Afonso - Castro Alves

As Flores do Mal - Charles Baudelaire

David Copperfield - Charles Dickens

Faróis - Cruz e Sousa

Hell or The Inferno from The divine comedy - Dante Alighieri

A Ilustre Casa de Ramires - Eça de Queiros - PDF

Contos Extraordinários - Edgar Allan Poe

Canudos e outros temas - Euclides da Cunha - PDF

Medeia ελληνικά - Eurípides

Livro Do Desassossego - Fernando Pessoa - Livros em PDF para Download

Gente Pobre - Fiódor Mikhailovitch Dostoiévsk - Fedor Dostoievski

O Último Magnata - Francis Scott Fitzgerald

The Metamorphosis - Franz Kafka - PDF

Madame Bovary - Gustave Flaubert - PDF

Moby Dick - Herman Melville

Teogonía - Hesíodo

Odisséia - Homero - Download

Ulisses - James Joyce

Emma - Jane Austen - Download PDF Livro Online

Fausto - Johann Wolfgang von Goethe

Viagens de Gulliver - Jonathan Swift

Alfarrábios: o Ermitão da Glória - José de Alencar

O Coração das Trevas - Joseph Conrad

A mulher de Anacleto - Lima Barreto - Livros em PDF para Download

Anna Karenina - Leon Tolstói - Download

Os Lusíadas - Luís Vaz de Camões - Download

Machado de Assis

A Cartomante - Machado de Assis - PDF Download Livro Online

Les Essais - Michel de Montaigne - PDF

Marcel Proust - Download PDF Livro Online

Amar verbo intransitivo - Mário de Andrade - PDF Download Livro Online

Don Quixote - Miguel de Cervantes Saavedra

Alma inquieta - Olavo Bilac - PDF Download Livro Online

Metamorfoses II - Públio Ovídio Naso

As jóias da Coroa - Raul Pompeia - PDF Download Livro Online

Antigonas - Sófocles

A Montanha Mágica - Thomas Mann

Eeldrop and Appleplex - T. S. Eliot - Thomas Stearns Eliot

Marília De Dirceu - Tomás Antônio Gonzaga - PDF Download Livro Online

O Corcunda de Notre-Dame - Victor Hugo - PDF Download Livro Online

Eneida - Virgilio

O Quarto de Jacob - Virginia Woolf - PDF

A Tempestade - William-Shakespeare - Livros em PDF para Download

O Som e a Fúria - William Faulkner

Bíblia Sagrada - João Ferreira de Almeida - Bíblia

Bíblia Sagrada - Católica

O Vermelho e o Negro - Stendhal - Henri-Marie Beyle

O Homem Sem Qualidades - Robert Musil

TOP 20: Billboard - Letras de Músicas - Song Lyrics - Songtext


On The Regular - Meek Mill

Two Birds, One Stone - Drake

Offended - Meek Mill Featuring Young Thug & 21 Savage

Froze - Meek Mill Featuring Lil Uzi Vert & Nicki Minaj

Better Man - Little Big Town

Litty - Meek Mill Featuring Tory Lanez

What They Want - Russ - Song Lyrics

Greenlight - Pitbull Featuring Flo Rida & LunchMoney Lewis - Letras de Música

No Heart - 21 Savage & Metro Boomin - Letras de Música

Shout Out To My Ex - Little Mix - Song Lyrics

A-YO - Lady Gaga - Songtext

Sneakin' - Drake Featuring 21 Savage - Letras de Música

Hallelujah - Pentatonix - Letras de Música

Fake Love - Drake - Song Lyrics

Closer - The Chainsmokers ft. Halsey - Letras de Música

Chill Bill - Rob $tone ft. J. Davi$ & Spooks - Song Lyrics

Do You Mind - DJ Khaled ft. Nicki Minaj, Chris Brown & August Alsina - Letras de Música

My Shit - A Boogie Wit da Hoodie - Letras de Música

Juju On That Beat (TZ Anthem) - Zay Hilfigerrr & Zayion McCall - Letras de Música

Starboy - The Weeknd feat Daft Punk - Song Lyrics

Audiobook, Educação Infantil, Ensino Fundamental


Jogos para Crianças - Atividades Educativas Ensino Fundamental

Jogos para Crianças - Atividades Educativas Ensino Fundamental

Jogos para Crianças - Atividades Educativas Ensino Fundamental

Jogos para Crianças - Atividades Educativas Ensino Fundamental

Jogos para Crianças - Atividades Educativas Ensino Fundamental

Jogos para Crianças - Atividades Educativas Ensino Fundamental

Jogos para Crianças - Atividades Educativas Ensino Fundamental

Jogos para Crianças - Atividades Educativas Ensino Fundamental

Jogos para Crianças - Atividades Educativas Ensino Fundamental

Jogos para Crianças - Atividades Educativas Ensino Fundamental

Atividades Educativas Ensino Fundamental - Aprendendo sobre o Dinheiro

Progress 4GL - DDK-GUI - Datasul

Your Attidute Against SAP Business All-In-One Projects

Lima Barreto - Quase ela deu o sim, mas...

Esaú e Jacó - Machado de Assis

Diva - José de Alencar

A Dívida - Artur de Azevedo

Luís Soares - Contos Fluminenses e Histórias da Meia-Noite - 01 - Machado de Assis

Singularidades de uma rapariga loura, parte 2 - Contos de Eça de Queirós

Um Club da Má Língua - Fiódor Dostoiévski

Casa Velha - Machado de Assis

Amor de Perdição - Camilo Castelo Branco

À Margem da História - Euclides da Cunha

A Tempestade; Morte de Iracema; O Pampa - Eugênio Werneck - Antologia Brasileira

Os Sertões - Euclides da Cunha

Pride and Prejudice - Jane Austen

TOP 50: BLOG by Sanderlei Silveira


Biomas brasileiros - Santa Catarina SC - Conheça seu Estado (História e Geografia)

As festas populares no estado de São Paulo - SP

Os imigrantes no século XIX e XX no estado do Paraná - PR

Pantanal – Patrimônio Natural da Humanidade - MS

Os símbolos do estado do Rio de Janeiro - RJ

Prédios mais altos do Mundo e do Brasil (Atualizado até 11/2016)

Idade das Religiões - História em 1 Minuto

The Horrors of War - Janet Hamilton

Los Naranjos - Ignacio Manuel Altamirano

How Do I Love Thee? - Sonnet 43 - Elizabeth Barrett Browning

Chill Bill - Rob $tone ft. J. Davi$ & Spooks - Letra Música

Tendências de mercado - Economia em 1 Minuto

Ismalia - Alphonsus de Guimaraens

POVO E RAÇA - Mein Kampf (Minha luta) - Adolf Hitler

Capítulo XII - TEQUETEQUE, CHUPINZÃO E A INJUSTIÇA DOS HOMENS - Macunaíma - Mário de Andrade

Comentários da semana - Crônica - Machado de Assis

CAPÍTULO X / A ENFERMA - Helena - Machado de Assis

O navio negreiro - Os Escravos - Castro Alves

Antífona - Broquéis - João da Cruz e Sousa

Euclides da Cunha - Os Sertões (Áudio Livro)

A aia - Contos de Eça de Queirós

Diva - José de Alencar - Audiobook

Amor é fogo que arde sem se ver - Sonetos - Poemas de Amor - Luís Vaz de Camões

Versos íntimos - Augusto dos Anjos - Eu e Outras Poesias

Curso de Espanhol Online - Grátis e Completo

Curso de Inglês Online - Grátis e Completo

O Diário de Anne Frank

Casa Velha – Machado de Assis - Livros em PDF para Download (Domínio Público)

Introduction to Design Thinking with SAP - SAP - Course Free Online

Totvs - Datasul - Treinamento Online (Gratuito)

Mitología Griega - Historia en 1 Minuto

Religion - Ancient History - History in 1 Minute

Salmos 22 - Bíblia Online

Olavo Bilac - Contos para Velhos - Áudio Livro

A Doença do Fabrício - Contos - Artur de Azevedo

Contos - Lima Barreto - Áudio Livro - Audiobook

Jane Austen - Pride and Prejudice - AudioBook

Material de apoio para Pais e Professores - Educação Infantil - Nível 1 (crianças entre 4 a 6 anos)

Sala de Aula - Educação Infantil - Nível 2 (crianças entre 5 a 7 anos)

Brincadeira - Educação Infantil - Nível 3 (crianças entre 6 a 8 anos)

Idioma Português - Educação Infantil - Nível 4 (crianças entre 7 a 9 anos)

Rio São Francisco - Educação Infantil - Nível 5 (crianças entre 8 a 10 anos)

Livros - Educação Infantil - Nível 6 (crianças entre 9 a 11 anos)

MISS DOLLAR - Machado de Assis

Quincas Borba - Machado de Assis

Crisálidas - Poesia - Machado de Assis

TU SERÁS FELIZ, BENTINHO - Dom Casmurro

O ALIENISTA - Papéis Avulsos

EMBARGOS DE TERCEIRO - A Mão e a Luva

Tu, só tu, puro amor - Teatro - Machado de Assis

JOGO PERIGOSO - Memórias Póstumas de Brás Cubas - Machado de Assis

MELHOR DE DESCER QUE DE SUBIR - Esaú e Jacó - Machado de Assis


Nenhum comentário:

Postar um comentário